Hiperidrose: Saiba o que é e como é feito o tratamento de suor excessivo!

hiperidrose
saúde

Muitas pessoas sofrem com o suor excessivo e nem sempre entendem do que se trata, na verdade essa é uma condição clínica conhecida como hiperidrose, para entender melhor, é quando o paciente sofre com o suor excessivo e sem nenhuma causa aparente, sendo que as pessoas que possuem esse problema costumam suar mesmo quando a temperatura ambiente é baixa ou até mesmo quando estão em um momento de descanso.

O suor é uma reação natural do corpo para enfrentar diversas situações, uma vez que ele tem como função manter a temperatura adequada do corpo, e o suor pode aparecer em vários momentos, após a prática de exercícios físicos, ao passar por um momento de estresse ou de nervosismo, em locais muito quentes, etc., porém, há pessoas onde essas ondas de calor não são ligadas a nenhum desses fatores, portanto, provavelmente esse paciente sofre com hiperidrose, e esse suor excessivo pode levar a pessoa a sentir desconforto, que atinge tanto a parte física, quanto a emocional.

Uma informação importante sobre a hiperidrose é o fato dela atingir 2% a 3% da população brasileira (quando se refere à forma primária da doença), sendo que desse total, menos de 40% procuram ajuda médica para ajudar a se livrar desse problema.

Saiba mais sobre a hiperidrose palmar e a hiperidrose axilar

As formas mais comuns dessa condição médica é a hiperidrose palmar e a hiperidrose axilar, no primeiro caso, as pessoas que sofrem com o problema possuem suor em excesso na palma das mãos, o que faz com que atividades comuns do dia a dia sejam dificultadas, como segurar qualquer objeto ou até mesmo digitar no computador. Nesse caso, o contato por muito tempo com outras pessoas e o uso de cremes acaba prejudicando ainda mais o problema, podendo, inclusive, prejudicar a autoestima da pessoa, que se sente incomodada com esse problema.

Já no segundo caso, a hiperidrose axilar, o suor excessivo é encontrado nas axilas (como o nome já sugere), para entender melhor, trata-se de um desequilíbrio do sistema nervoso simpático, sendo que o suor nessa região acaba sendo mais gorduroso, podendo causar inclusive bromidrose, quando não tratado da maneira correta. O importante é escolher o tratamento correto para cada tipo de hiperidrose, e a cura é totalmente possível quando se busca a ajuda de um profissional qualificado.

botox para tratar hiperidroseTratamentos da Hiperidrose

Existem vários tipos de tratamentos da hiperidrose, como a cirurgia plástica, botox, desodorantes e até mesmo tratamentos caseiros, a escolha certa vai depender muito da gravidade de cada quadro, afinal, quanto mais grave ele for, maior a necessidade de buscar tratamentos mais profissionais.

Uma das medidas mais eficazes para tratar a hiperidrose é sem dúvida a cirurgia, conhecida no meio médico como simpatectomia, um procedimento rápido, seguro e que promete ser a cura definitiva para esse problema. A aplicação do botox também é muito utilizada, uma vez que ele bloqueia o estímulo do suor nas glândulas, sendo que essa não é uma medida definitiva, os seus efeitos costumam durar de 4 a 10 meses. Também existem no mercado desodorantes especiais para quem sofre com esse problema, sendo necessário consultar a embalagem do produto, que traz informações específicas. Os tratamentos caseiros ainda são muito procurados, um dos mais conhecidos é a mistura de talco com bicarbonato de sódio e fécula de milho.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

protetor solar
saúde
Protetor Solar: Saiba como deixar seu bebê protegido do sol!

A pele do bebê é sem dúvida muito delicada, e os pais precisam ter uma rotina de cuidados especiais, e uma dúvida muito comum entre as mamães e papais, principalmente os de primeira viagem, é se os bebês podem usar protetor solar, afinal, dermatologistas costumam falar sempre da importância de …